Voltar

Notícias & Eventos

Publicado em 08/12/2015

Construtora WEGG-CCII e Meio Ambiente inicia o plantio de 1,6 mil mudas no Jardim Paulista

A WEGG-CCII, realizou nesta terça-feira (8/12/2015) o início do plantio de 1,6 mil mudas de árvores nativas e frutíferas no Jardim Paulista.

Fonte: Prefeitura de Maringá

A Secretaria de Meio Ambiente (Sema), em parceria com a construtora WEGG-CCII, realizaram nesta terça-feira (8/12/2015) o início do plantio de 1,6 mil mudas de árvores nativas e frutíferas no Jardim Paulista. A ação, que contou com a participação de 120 alunos do Colégio Estadual Rodrigues Alves, integra a programação da Semana do Rio da Sema.

            O geógrafo e coordenador das Áreas de Preservação Permanente da Sema, Amauri Divino Pereira, destacou a importância do reflorestamento em fundos de vale. “Essas árvores evitam o assoreamento dos cursos de água e ajudam a controlar a temperatura, além de evitar fortes ventos que causam muita destruição”, explicou.

            O representante da construtora WEGG-CCII, Gil Rosa, ressaltou que a ação de educação ambiental é fundamental nos dias de hoje. “Vimos em Minas Gerais o pior desastre ecológico do Brasil. Plantar essas árvores é o mínimo que podemos fazer como seres humanos”, afirmou.

            A professora Neide, do Colégio Estadual Rodrigues Alves, parabenizou o trabalho da Sema e comemorou a realização do plantio de mudas. “Nas nossas aulas de Geografia vemos a importância da árvore para todo o meio ambiente. Hoje na prática vamos fazer um exercício que além de simbólico pode ser o início de uma postura mais responsável de nossos alunos frente ao meio ambiente”, observou.

            O secretário de Meio Ambiente, Umberto Crispim, disse que espera novas ações de educação ambiental com o Colégio Estadual Rodrigues Alves e que o plantio de mudas ficará como uma lembrança positiva para os alunos. 

            “Devido à preocupação com a poluição e seus graves efeitos na natureza, na França, em Paris, acontece um encontro mundial sobre o meio ambiente. Recentemente no estado de São Paulo teve falta de água e isso não queremos que aconteça algum dia em nossa cidade. Por isso trabalhamos intensamente para o reflorestamento que ajuda a proteger esses córregos afluentes do rio Pirapó, fonte de abastecimento de água em Maringá”, ressaltou Crispim, o qual também agradeceu a parceira com as secretarias de Serviços Públicos e de Saneamento.